Coty lança Loja do Varejo, plataforma online de vendas para pequenos lojistas

Coty lança Loja do Varejo, plataforma online de vendas para pequenos lojistas

Olhando para a digitalização nas relações tambpem com os varejistas, a Coty, dono das macas Risqué, Bozzano e Monange, lançou um novo portal para vendas online do seu portfólio para pequenos lojistas. Trata-se da primeira inciativa do gênero da Coty em todo o mundo, tal qual aconteceu com o lançamento, em 2017, da para consumidores.

Com a  a Coty espera dar aos pequenos e médios varejistas mais agilidade nas compras, particularmente aqueles visitados com menos frequência pelos distribuidores. “Nosso B2B tende a impactar os negócios de milhares de comerciantes que vendem nossos itens de cuidados pessoal e beleza, espalhados pelos cerca de 5,5 mil municípios brasileiros em aproximadamente 540 mil pontos de venda. São comerciantes que nem sempre conseguem ter agilidade na aquisição de mercadorias. E acabam tendo dificuldades para abastecer seus PDVs, muitas vezes até mesmo devido à distância física dos principais distribuidores e suas respectivas forças de venda”, explica Nicolas Fischer, Managing Director da Coty no Brasil.

Na operação online para o pequeno varejo, a Coty irá fazer uso de recursos inteligência de dados e análises preditivas para personalização de comunicação; ofertas comerciais por meio de análises de big data e outras iniciativas que proporcionam aumento de vendas com margens sustentáveis. Já a responsabilidade pelos estoque, faturamento e entrega serão feitos pelos parceiros distribuidores, que serão integrados a plataforma da empresa, permitindo a digitalização do modelo de negócios do distribuidor, com vendas 24h e acesso facilitado  aos dados de compra do portfólio da Coty pelos pequenos e médios varejistas.

"A Loja do Varejo funciona como hub que permite ao distribuidor expandir suas possibilidades comerciais e operacionais, agregando também valor a toda a cadeia do mercado comercial. Muitos dos distribuidores parceiros da Coty atualmente ainda não estão presentes no mundo digital. Essa nova plataforma da Coty permite que expandam seus negócios, inclusive iniciando jornada de transformação digital", disse a diretora de e-Commerce Coty Brasil, Karen Sanchez, em entrevista à Atualidade Cosmética. Ela tam bpem destacou que a Coty não irá fazer vendas diretamente aos lojistas por meio da nova plataforma.  

Com a nova opeação, a empresa espera gerar aumento na cesta de compra dos varejistas, inclusive com entrada em novas categorias e a melhoria no mix de produtos. E, pela facilidade para varejistas de diferentes perfis, os distribuidores conseguem ainda aumentar sua carteira de clientes.

Ao se cadastrar no portal, o varejista é direcionado para um distribuidor parceiro (pelo CEP). A responsabilidade pela análise financeira e liberação de crédito é do distribuidor. Concluídas essas etapas, o varejista fica apto a iniciar sua jornada de compra. Ao término do pedido, o distribuidor se responsabiliza pela tramitação de cobrança, nota fiscal e entrega. Com a digitalização a Coty espera gerar simplificação do ponto de vista comercial e promover eficiência em termos operacionais, inclusive pelo rápido prazo de entrega das mercadorias, agregando valor para todos os players dessa cadeia. Na Loja do Varejo as compras podem ser feitas em quantidades fracionadas ou caixas fechadas, variando de acordo com os processos de cada distribuidor

O portal conta com um módulo de venda assistida, no qual o vendedor acessa e faz a compra em nome do varejista; além de promoções exclusivas pra cada tipo de varejo e distribuidor.

A implantação da Loja do Varejo é customizada para cada distribuidor, em operação realizada de forma conjunta. O tempo de implementação varia de um até seis meses, de acordo com os recursos empenhados na parceria pelo distribuidor.

Na fase inicial, a operação online B2B da Coty está disponível apenas nos Estados de São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Para os próximos meses, a empresa pretende expandir a operação para outras regiões do País, ampliando a cobertura comercial.

 

}

Comentários ()